Francisco de Paula

Francisco Eugênio Costa de Paula (Pirapetinga, 1952)

Licenciou-se em Desenho e Plástica pela UFJF em 1974, quando fez sua primeira individual no Salão Nobre da Reitoria. A madeira foi a matéria-prima escolhida para a criação de relevos em grandes formatos. Em 1978, participou da coletiva “Artistas de Juiz de Fora”, do Museu Nacional de Belas Artes no Rio de Janeiro, ao lado de artistas como Dnar Rocha, Arlindo Daibert, Eliardo França, Carlos Bracher e e Nívea Bracher. Seguiu nas artes plásticas até meados de 1980, quando o artista cede lugar ao designer e se envolve em criações de objetos em madeira e acrílico. Em 1990, inicia nova fase de designer gráfico como diretor de arte em agência de publicidade local até meados de 2003. Desde então, paralelamente às criações gráficas, Francisco passa a pesquisar novos materiais que possam corresponder ao seu inquietante potencial criativo. Em 2009, Francisco volta ao design de objetos quando descobre a leveza e a maleabilidade do alumínio, utilizando-o na criação e desenvolvimento de objetos multifuncionais. Hoje, explora as possibilidades dessa matéria-prima a sua mais nova expressão como artista plástico: “Páginas Viradas”.

Artistas

Neysa Campos

Francisco de Paula

Roosevelt Nina

Rizza

Paula Duarte

Nina Mello